Uma questão de “ph”

Anda toda a gente à espera do “Syriza ganhar”. E depois, ¿o que acontece? Depois… o Syriza ganhou; amanhã vai ser Segunda-feira, o sol vai nascer outra vez, “et tout va bien Madame la Marquise!”.

Então, ¿por que razão anda toda a gente à  espera do “Syriza ganhar”?

Porque se espera por uma transformação radical da realidade que faça com que a dívida da Grécia, como que por milagre, deixe de existir. O Syriza tem uns pós de perlimpimpim e uma varinha mágica. Há quem tenha feito peregrinações a Atenas, para assistir ao milagre.

Daqui a um par de meses, os que estão à  espera do “Syriza ganhar” vão fazer de conta que o Syriza não ganhou. — “Que maçada! Era um filme tão bonito, pá!, e veio logo a merda da realidade estragá-lo! A culpa é de Deus, que inventou a realidade; por isso é que eu sou ateu!”.

É o nacional-porreirismo português: bandalheira é que é bom. Um bandalho que se preze não deixa de estar à  espera do “Syriza ganhar”.

Depois de toda a gente fazer de conta que o Syriza não ganhou, vai estar à  espera do “Podemos ganhar”. Poder, qualquer um pode; eu ainda sou do tempo em que se escrevia Podemos com PH. E depois de o Phodemos phoder a Espanha, toda a gente vai fazer de conta que a phoda não é consigo.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Política, Portugal. ligação permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s